INÍCIO

Advogado Trabalhista

O Dr. Henrique Gabriel Barroso, advogado trabalhista inscrito na OAB/PR 91.789, formado na Universidade Estadual de Londrina (UEL), atua em diversos tipos de ações trabalhistas em Londrina/PR e Região, tais como:

  • Demissão sem justa causa
  • Demissões durante a pandemia
  • Demissão indevida por justa causa
  • Defesas Trabalhistas
  • Horas extras não pagas
  • Insalubridade não paga
  • Periculosidade não paga
  • Férias vencidas ou não pagas
  • Adicional noturno não pago
  • Banco de horas
  • Acidentes de trabalho
  • Desrespeito à Convenções e Acordos Coletivos, etc.

Se o seu caso for um destes acima ou qualquer outro problema trabalhista, não hesite em buscar a informação jurídica correta.

O Dr. Henrique Gabriel Barroso (OAB/PR 91.789) é sócio do Escritório de Advocacia S L Barroso Sociedade de Advogados (Londrina/PR).

Ele é formado na Universidade Estadual de Londrina (UEL) e possui muitos anos de experiência em escritórios de advocacia.

Caso precise entrar em contato com ele, utilize uma das opções abaixo, disponibilizadas para facilitar a comunicação:

Telefones: (43) 3026-1220 ou (43) 99603-0320

Email: contato@slbarrosoadv.com

Coronavírus (COVID 19)

Neste momento de pandemia, no qual circulam tantas Fake News, é importante se informar corretamente acerca dos direitos e deveres trabalhistas que cada um possui.

Por isso, busque informações jurídicas seguras por meio de um advogado. Não acredite em tudo que encontrar nas redes sociais.

Postagens recentes

  • Pode haver Pré-Contratação de Horas Extras?
    Tal prática é claramente uma fraude, tanto que o TST em sua Súmula 199, I, declarou que a pré-contratação de horas extras é nula e ainda que os valores que são pagos sob tal pretexto estariam remunerando a jornada normal de trabalho, sendo devido o pagamento das horas extras com o respectivo adicional de no mínimo 50% em sua integralidade.
  • O Encerramento do Contrato de Experiência antes do Prazo Final
    O rompimento antecipado do contrato por iniciativa do empregador dará ao empregado o direito de receber uma indenização equivalente a 50% dos dias que restavam para o fim do contrato, consoante ao que determina o art. 479 da CLT.
  • Entenda a diferença de Acúmulo de Funções e Desvio de Funções
    Em casos de acúmulo ou desvio de função, que são situações distintas, o empregado tem o direito de receber valores a título de diferenças salariais.

 


S L Barroso Sociedade de Advogados

Endereço: Av. Higienópolis, n.º 210 – Sala 1202, Londrina/PR, CEP: 86.020-390

Funcionamento: De Segunda-Feira à Sexta-Feira

Das 09:00 às 12:00 e das 13:00 às 18:00